fevereiro 28, 2017

TWISTER/ MERCOL COMPLETO

Twister/Mercol

Esses animais que antes eram temidos e associados a sujeira e doenças estão se tornando cada vez mais populares como pets devido sua sociabilidade, inteligência, amabilidade, capacidade de serem treinados e apego a seus tutores.

São chamados de Twister, Mercol ou Wistar e são ratazanas da espécie Rattus norvegicus.

As ratazanas são provavelmente originárias da Ásia, Índia e Pérsia. Mas se espalharam e atualmente são encontrados no mundo todo.

Com a domesticação sofreram mutações que deram origem a novas cores e tipos de pelagens.

 

Características

NOME CIENTÍFICO: Rattus norvegicus

TAMANHO: 25 – 50 cm (inclusive rabo)

PESO MÉDIO: 250 – 400 gramas

TEMPO DE VIDA: de 2 a 3 anos

PERÍODO de GESTAÇÃO: 21-24 dias

NÚMERO DE FILHOTES: 7 a 12 filhotes

MATURIDADE SEXUAL: de 50 a 90 dias

DIETA: Onívoro

 

Tem grande capacidade de adaptação e sobrevivência. São muito ágeis, escalam com rapidez, tem ótimo equilíbrio, nadam, mergulham, saltam e correm com facilidade.

Possuem sentidos muito desenvolvidos, principalmente o olfato, o paladar e a audição. Já a visão não é tão boa e no caso dos albinos é ainda pior.

São animais muito sociáveis que gostam de viver em colônias e se apegam com facilidade a seus tutores.

Precisam viver em pares ou grupos, preferencialmente de animais do mesmo sexo para evitar a reprodução.

Tem grande facilidade de aprendizagem e surpreendem por sua inteligência. Com um pouco de paciência é possível ensinar vários truques a eles.

São muito dóceis e aceitam bem o manuseio, gostando muito de receber carinho.

Por serem muito curiosos adoram explorar e cheirar tudo, se interessando sempre que algo novo é colocado em seu alojamento.

Possuem 16 dentes. Sendo 4 incisivos e 12 molares.

Rangem os dentes (bruxing) para de demonstrar felicidade. Mas também podem fazer isso em momentos de stress.

O bruxing causa o desgaste natural dos dentes fazendo com que se mantenham no tamanho ideal.

Muito preocupados com a higiene, limpam-se frequentemente lambendo-se como gatos e até aprendem a utilizar o “banheiro”.

Vivem em média de 2 a 4 anos e tem grande capacidade de adaptação e sobrevivência.

Podem atingir 30 cm de comprimento e pesar 600gr.

O rabo comprido e quase desprovido de pelos tem grande importância no equilíbrio e na regulação da temperatura corporal.

 

 

Origem

 Originalmente os ratos (Rattus Norvegicus) habitava a Ásia central,  o norte da China e a Mongólia.

Existe uma descrição de ratos na Europa  por volta do ano de 1550. Essa descrição pode ser de ratazanas, mas não é possível ter certeza.

Mas por volta de 1730 sabe-se que esses animais chegaram a Europa em grande quantidade.

Historiadores atribuíram essa grande quantidade de ratazanas chegando a Europa a um terremoto muito forte ocorrido na Ásia em 1727.

Ratazanas em navio antigo

Era comum a presença de ratazanas em navios e dessa forma também conseguiam migrar de um continente para outro.

Na época já se tornaram animais odiados devido a sua semelhança com os ratos pretos (Rattus rattus) com quem eram confundidas.

E por volta de 100 anos depois já existem relatos do uso desses animaizinhos como cobaias em experiências.

As ratazanas foram o primeiro animal domesticado exclusivamente para usos científicos.

Infelizmente devido ao grande preconceito humano, esses bichinhos ainda demoraram muito pra se tornarem animais de estimação.

Mas foi por volta de 1990 que se tornaram mais populares como pets, principalmente nos E.U.A.

Alimentação

Os Twisters são onívoros, ou seja, comem de tudo.  Mas não é bem assim, apesar de terem uma dieta bem variada, não é tudo que podem comer.

E o que devem comer?

 

Ração

Já existem no mercado rações específicas para eles.

Nunca ofereça rações de hamster, coelho, porquinho da índia ou chinchila.

 

Alguns tutores preferem oferecer aos seus bichinhos a alimentação natural.

Associar a alimentação natural a ração também é uma opção.

São bichinhos adaptados para comerem uma grande variedade se alimentos, o que facilita muito o planejamento de sua dieta.

O melhor é oferecer sempre uma alimentação bem variada para que recebam todos os nutrientes necessários.

Mas é preciso atenção aos alimentos que só podem ser oferecidos cozidos ou maduros

E quais alimentos podem ser oferecidos a eles?

Verduras:

  • Brocolis
  • Agrião
  • Rúcula
  • Escarola
  • Catalonia
  • Alface
  • Couve
  • Hortelã
  • Salsa

 

Legumes

  • Batata cozida e sem casca
  • Cenoura
  • Batata doce cozida e sem casca
  • Ervilha in natura ou cozida (nunca enlatada)
  • Abobora
  • Abobrinha
  • Pimentão
  • Vagem
  • Repolho cozido
  • Berinjela cozida

 

Cereais

  • Arroz E Arroz Integral in natura ou cozido
  • Granola para Twister
  • Quinoa
  • Aveia
  • Milho in natura cozido (nunca enlatado ou desidratado)
  • Lentilha in natura ou cozida (nunca enlatada)
  • Feijão cozido (nunca crú)
  • Grão-de-bico
  • Soja (apenas cozida ou torrada)
  • Cevada
  • Linhaça

 

Frutas

  • Maça (sem sementes e nunca verde)
  • Pera
  • Tomate
  • Banana madura
  • Melão
  • Mamão
  • Melancia
  • Coco
  • Uva ou uva passa
  • Pessego
  • Morango
  • Franboesa
  • Caqui
  • Mirtilo
  • Romã
  • Cranberry
  • Cereja
  • Laranja(só para fêmeas)
  • Manga(só para fêmeas)
  • Amora
  • Ameixa (em grande quantidade pode causar diarréia)
  • Abacate

 

Proteina Animal

  • Ovo de galinha cozido
  • Ovo de codorna
  • Peito de frango cozido (sem gordura e se tempero)
  • Figado de frango cozido (sem gordura e se tempero)
  • Larvas de tenébrio
  • Atum (em água e light. Precisa ser lavado antes de ser oferecido porque tem muito sal).
  • Kani kama
  • Moela de frango

 

Petiscos

Devem ser dados em pequenas quantidades.

  • Amendoas
  • Nozes
  • Avelãs
  • Uva passa
  • Semente de Abobora
  • Amendoim torrado
  • Semente de Girassol
  • Massa de macarrão crua (nunca miojo)

 

Benefícios da alimentação natural

Já é cientificamente comprovado que a alimentação natural melhora a saúde e a imunidade. Além disso, os ratos tem ótimo paladar e gostam muito de sabores e texturas variadas. Dessa foram a alimentação se torna não só uma necessidade, mas também um prazer.

 

 

Alojamento

O alojamento é muito importante para esses bichinhos. Eles passam boa parte da sua vida dentro dele e por serem animais muito ativos e inteligentes precisam se manterem ocupados e entretidos em seu ambiente.

Passam boa parte do tempo brincando e por mais cuidadoso e atencioso que você seja com seus bichinhos, não terá como passar tanto tempo brincando com eles, por isso é importante oferecer um alojamento muito confortável e interessante pra eles, além de espaçoso para que possam viver em pares ou grupos.

Escolha alojamento grandes, com vários andares e espaço para a colocação de acessórios como camas, redes, tocas, túneis, brinquedos, bebedouros, comedouros, etc…

Os twisters não podem ficar em gaiolas com grades no fundo. Isso pode ferir gravemente as patinhas.

As gaiolas mais utilizadas são as de Chinchilas ou Ferrets devido ao tamanho e aos vários andares.

É preciso verificar se o alojamento é realmente seguro, sem frestas por onde o bichinho consiga passar. Não se esqueça que se ele conseguir passar a cabeça, conseguirá passar todo o corpo.

 

Acessórios

Bebedouro

O melhor modelo é do tipo garrafa que evita que sujeiras entrem em contato com a agua.

Twisters são muito ativos e podem derrubar potes de água mais leves ou mesmo derrubar coisas como substrato, alimentos e até paninhos no pote, correndo o risco de ficaram sem água.

Alguns chegam a defecar ou urinar na água, mas isso não é comum.

Existem muitos relatos de Twisters que usam o pote de água como banheira e até alguns casos desses bichinhos molhando o alimento antes de comer.

O ideal é que os bebedouros tenham pelo menos 250ml para evitar que em caso de esquecimento possam ficar com sede.  E no caso de alojamentos com vários bichinhos será preciso mais bebedouros.

 

Comedouro

Precisa ser pesado para evitar ser virado belo bichinho.  Os melhores são de cerâmica ou

É comum alguns Twisters retirarem a comida do pote e esconderem em algum local que achem mais seguro.

 

Tocas e casinhas

Como ratos são presas, precisam de um local que se sintam seguros e protegidos pra dormir.

Tocas e casinhas são essenciais no alojamento. 

 Não há problema em serem de tecido porque esses bichinhos não engolem pedaços de tecidos, apenas roem as vezes.

 

 

Redes e Tuneis

Os Twisters adoram se esconder em túneis e dormir em redes. Quanto mais acessórios interessantes e lúdicos no alojamento, melhor.

 

Brinquedos

Esses bichinhos são muito curiosos e brincalhões. Adoram novidades em seu alojamento como brinquedos para  escalar, caça-petiscos, brinquedos para roer, etc…

 

Banheiro

Como são animais muito preocupados com a higiene e inteligentes aprendem facilmente a usar o banheiro para roedores.  Isso facilita muito a higiene do alojamento e evita odores desagradáveis já que a urina dos ratos tem odor forte.

 

 

Substrato

O substrato pode ser utilizado no fundo do alojamento, em um canto ou apenas no banheiro.

Mas qual substrato utilizar?

O tutor deve testar e avaliar a melhor opção para cada caso.  Não é raro testarem varias marcas e opções até a escolha de qual se adapta melhor a sua necessidade.

E isso vai varias de acordo com a quantidade de animais no alojamento, o custo e a quantidade do produto, a capacidade de absorção e a facilidade de higienização.

Granulado de madeira: Tem bom custo-beneficio. Absorve bem a urina e os odores, não precisa ser trocada com tanta freqüência. E pode ser descartada no vaso sanitário.

Areia higiênica para gatos: Só devem ser utilizadas as de maior granulometria. Existem inúmeras marcas disponíveis no mercado com preços e capacidades de absorção variadas. Não utilize as que tem perfume ou que soltam muito pó.

Granulado de Celulose: Tem custo médio e não são encontrados com facilidade. São absorventes e não necessitam de trocas muito freqüentes.

Maravalha: Só a específica para roedores pode ser usada, mas apesar de barata, não é muito absorvente, logo ficando úmida e com odor forte. A troca precisa ser muito freqüente, o que faz com que não se torne tão econômica assim.

Tapete Higienico: Apesar de bem absorvente, é composto por gel e não deve ser roído. É uma boa opção para ser utilizado embaixo do piso de borracha ou soft.

Soft: O soft pode ser usado no fundo da gaiola, mas ele deixa que a urina passe para baixo onde deve haver algo que absorva, como tapete higiênico ou toalha. Desa forma o bichinho não ficará em contato com a urina. As fezes ficarão sobre o soft e poderão ser recolhidas.

Piso de borracha: Ideal para manter o alojamento seco e limpo. A urina passará pelos furos e deverá ser absorvida por algo como tapete higiênico ou toalha colocado abaixo dele.

 

Não Utilizar:

Jornal: Não deve ser utilizado porque, além de não absorver bem, pode intoxicar os bichinhos devido ao contato com a tinta.

 

Granulado de sílica: Apesar de absorver bem a urina, não deve ser utilizado. Além do risco causar problemas respiratórios pode ser cancerígena.

 

Serragem: Muito confundida com a maravalha. A serragem é o chamado pó de serra. Residuo do corte de madeira que é um pó fino perigoso se inalado pelo bichinho.

 

 

 

Higiene

Apesar de associados a sujeira e doenças esses bichinhos são muito limpos.  Lambem-se para se limpar como gatos. Normalmente começam sua higiene lambendo as patinhas dianteiras e as esfregando na cabeça. Depois lambem as costas, a barriga e as patinhas traseiras. Repetem esse ritual de limpeza várias vezes ao dia. E não é raro fazerem isso também depois de serem tocados. Já a cauda é aparte que apresentam mais dificuldade para limpar e por isso não é raro perceber algum tipo de sujeira nela.

Limpar uns aos outros e até os tutores é uma forma de interação social.

E twisters podem tomar banho?

Sim. E alguns até gostam muito. Mas apesar de saberem nadar, podem ficar um pouco assustados no inicio.

E como dar banho em um Twister?

O melhor é utilizar uma bacia ou outro recipiente semelhante.

O ambiente deve estar com temperatura agradável e sem correntes de ar.

Coloque água morna e molhe o bichinho delicadamente.

Se prepare para ele subindo varias vezes em seu braço tentando escapar do banho.

Aos poucos ele irá se acostumar.

Cuidado com os olhos e os ouvidos durante o banho.

Use xampu neutro, de preferência para gatos e nunca com nenhum tipo de medicamento ou anti-pulgas.

Passe o xampu delicadamente até fazer espuma.

Dê atenção especial a limpeza do rabinho que é a região que costuma ficar mais suja.

Alguns ratinhos não gostam de perceber que seu cheiro está sendo modificado pelo xampu e podem se agitar ou até tentar se limpar. Não deixe que se lambam quando estiverem com xampu no corpo.

Enxague bem para não deixar residuos do xampu.

Primeiro seque bem com uma toalha felpuda para retirar o excesso de água. Depois utilize secador morno até deixar toda pelagem bem seca.

E não se surpreenda se depois de todo trabalho para deixar seu bichinho limpinho e cheiroso ele resolver se sentir sujo e passar um tempão se limpando novamente.

 

 

 

Variedades

Muito tem se falado sobre Dumbos, Standards, Rex, Hairless Tailess  e Dwarf , mas o que isso significa?

Nesse caso todas essas são variedades de Ratos (Rattus Norvegicus) e não raças como muitos imaginam.

Então vamos explicar o que significa cada uma dessas  palavras que  tem causado tanta confusão.

 

Wistars

Os ratos Wistar são uma linhagem albina desenvolvida no Instituto Wistar na Filadélfia em 1906. Essa linhagem é a mais utilizada em laboratórios de pesquisa em todo mundo.

Tem como características, além do albinismo que faz com que sejam sempre completamente braços, com olhos vermelhos e visão ruim, A cauda menor que o comprimento do corpo, cabeça grande e orelhas longas.

São muito dóceis, acostumados a serem manipulados, inteligentes aprendendo com facilidade. Apesar de terem um sistema imunológico um pouco mais sensível, tem menor incidência de tumores.

 

 Dwarf

É uma linhagem de ratos anões. São muito dóceis, mas tem um metabolismo acelerado e por isso são muito ativos, agitados e tem grande apetite.

Devido ao seu tamanho e agilidade são mais difíceis de manipular correndo o risco de caírem da mão ou fugirem por frestas da gaiola.

 

Cauda

Tailess

Não possuem cauda nenhuma e costumam ter o corpo um pouco menor e mais arredondado na parte traseira. Essa variedade começou a ser procurada por quem adora esses bichinhos, mas por algum motivo não simpatiza muito com os rabos. O único inconveniente é que costuma ter uma vida média mais curta do que as variedades com rabo.

 

Standard

A palavra significa Padrão e pode estar relacionada a pelagem ou as orelhas

 

Orelhas

 

Dumbo

As orelhas são mais redondas e largas e inseridas mais baixo nas laterais da cabeça, o que dá a sensação de serem ainda maiores

 

Standard

As orelhas são finas, mais eretas e posicionadas no topo da cabeça.

 

 

Pelagem

Standard

É a variedade padrão. Com pelagem curta e lisa.

 

Hairless

Não possuem pelos e tem pele fina as vezes com leve penugem. Possuem bigodes,mas que são mais curtos e encaracolados. Uma característica interessante é seu metabolismo acelerado, o que faz com que sejam muito ativos e tenham grande apetite.

 

Rex

Tem pelagem densa e enrolada por todo corpo com bigodes ondulados.

 

Satin

 

A pelagem tem aparência brilhante. Os fios são mais finos e frágeis, mas muito macios ao toque. Os bigodes podem ser crespos.

 

 

E é possível, por exemplo, que um Twister possa ser Hairless e  Dumbo?

 

Sim, porque a característica hairless é relativa a pelagem, ou nesse caso, a ausência dela e a característica Dumbo é sobre o formato e inserção das orelhas.